"Alma limpa, amor na transversal...
Planejando o (in)certo"


21 de janeiro de 2011



E depois de um tempo a escrita torta que nunca se completa...
E o que tenho a dizer?
Carente, carente,carente!
Carente de mim mesma, de braços abertos, de alguns amigos fiéis...
Largada, largada, largada!
Deitada até tarde, toda esculhambada
ponto!
Não quero falar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário