"Alma limpa, amor na transversal...
Planejando o (in)certo"


21 de julho de 2010

Dose única por favor!



No inicio era um comprimido pra maior felicidade!
E agora?!
Dez verdades comprimidas um pouco de euforia e anormalidade!
Sonolência?
Rara...
Sorrisos?
Eufóricos...
E a felicidade?
Comprimida pelo ralo, engolida a seco ou com chá morno!
O vazio agora vem comprimido
comprimidinhos amarelados tão divertidos!
Minha reação?
Amena, amena, amena...
Tão indefinida quanto precisa, saudosa e nada harmoniosa...
Minhas palavras já não se unem...
Sentido não faço me expresso aos pedaços...
Me perco!
Uma morte comprimida por favor, uma!
Dose ÚNICA
Comprimido letal

Um comentário: