"Alma limpa, amor na transversal...
Planejando o (in)certo"


24 de agosto de 2009

Um pouco de azul

De repente deu vontade de vôar, abrir a janela e deixar que essa brisa boa me leve, leve pra longe...
Desses pensamentos, dessa saudade dessa vontade do novo que me assusta!
O que sinto agora não é ruim mas é algo que até então desconhecia, não é vermelho amarelo ou lilás, talvez seja laranja mais não dá pra definir de pronto assim, não pesa!
Talvez seja azul, talvez eu te risque todo de azul, talvez não, talvez eu te dissolva e misture com pó amarelo, talvez eu te corte em mil pedaços, limpe você de mim...
Mais que não seja o pior, não quero entregar essa coroa, esse sentimento não é a vitória, quero ter sangue docê, felicidade gritante e um amor tão calmo pra chamar de meu, pra vestir de azulzinho e gritar azulão, pra mesclar, riscar, misturar e ter essa coisa que sempre será azul dentro de mim, Azul Royal.

Um comentário: